Minha Calma em Tua Força


'Como brisa leve e sem aviso
Surge de algum lugar para acalmar
Refrescar
Trazer paz e delicadeza

Com paciência
E sua leveza de invadir alma
Preenche tudo aqui com tranqüilidade
Instruindo o passo a passo do ar

Como um vento forte
Emana para despertar
Abrir os olhos
Perceber e fazer-se um tanto visível

Com singeleza
Sua força abriga
Toma devagar os espaços com vigor
Tornando tudo aqui mais sólido

Na calmaria desse vento forte
Sigo leve
Porém, segura
E que tua força me leve calma Pelos espaços que desconheço.'